Sobre mim

Meu namorado recebeu uma proposta irrecusável de trabalho nos EUA. Casamos e vim com ele. Não ligo se não fui feminista o suficiente ao abrir da minha carreira por um relacionamento (até ligo mas estou me esforçando para não ligar). Fiz o que achei certo e aceito as consequências.

Estamos morando em Seattle e, por enquanto, não posso trabalhar a não ser que consiga uma emprego e a empresa queira patrocinar meu visto de trabalho (o que é altamente improvável dado que não sou especialista). Até lá, sigo vivendo, tentando tirar o máximo que posso do meu período sabático. Afinal de contas, quem disse que a vida é trabalho?

Que venham novas aventuras… ❤

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s